segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Marcos Assunção está fora do Palmeiras


Como sempre incompetente, a diretoria burocrática do Palmeiras mostrou mais uma vez a sua fraqueza deixando um de seus principais jogadores sair do clube.

Em uma negociação emperrada, na qual Marcos Assunção começou exigindo R$ 400 mil de salário e chegou a baixar para R$ 300 mil, a diretoria mais uma vez optou pelo barato (que normalmente não é bom) e deixou um ótimo e importante jogador sair do elenco.

Cada vez mais desvalorizado e sem jogadores importantes, o Palmeiras tropeça e provavelmente começará o ano caído, pois não haverá tempo após as eleições para contratações do nível dos jogadores que estão saindo.

A sua perfeição na bola parada fará muita falta ao Palmeiras, que dependeu desta jogada por muito tempo para marcar seus gols.

Foto: Almeida Rocha / Folhapress