segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Palmeiras é rebaixado pela segunda vez


Após ceder empate aos 45 minutos do segundo tempo em um jogo aonde teve claras chances de ampliar o placar, o Palmeiras tomou um gol de castigo e com o empate de Portuguesa e Grêmio, o time foi oficialmente rebaixado.

Daqui pra frente o torcedor palmeirense poderá passar os fins de semana com um pouco mais de tranquilidade.

O fim da esperança em alguns casos é necessário, pois um time como este que tem muita garra e pouca qualidade, nos faz acreditar que tudo é possível, mas não é.

O Palmeiras jogou mais uma vez desesperado e sem muitos titulares e fez um gol com Vinícius, que entrou após Tiago Real sair lesionado, mas o fraco elenco palmeirense não conseguiu aproveitar as outras oportunidades para ampliar o placar, e como a velha frase já diz, que não faz toma (tomou as 45 do segundo tempo). E tomou de seu antigo ídolo, Vagner Love, que por sinal apareceu no Palmeiras quando disputou a segunda divisão.

Estão querendo buscar culpados, nos outros jogos era Maurício Ramos, agora é Maikon Leite. Eu sempre digo aqui que não há um responsável dentro de campo, principalmente quando todo o elenco é mediano ou ruim. Os jogadores são contratados pela diretoria, se eles são ruins, a culpa não é deles, aquilo é o máximo que eles podem fazer. E fizeram, mostraram raça até o último minuto que o Palmeiras teve chance de escapar desta situação.

Palmeirense, não fique triste. Eu já havia perdido a esperança após o jogo contra o Botafogo.
As coisas só não foram piores neste ano, pois o Felipão acertou em cheio na contratação de Hernán Barcos, goleador e guerreiro.

Que venha a Libertadores 2013 e o Asa de Arapiraca e outros “clássicos” no segundo semestre!