quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

O São Paulo empatou com o seu próprio medo de vencer


Quem assistiu ao fraco jogo de ontem entre Tigre e São Paulo deve ter pensado, porque o Ney Franco não escalou o time reserva? Faltou muita ousadia ao tricolor. Mesmo perdendo o Luís Fabiano antes dos 15 minutos da etapa inicial, o São Paulo controlou a posse de bola, mas parou de criar reais chances de gol.

Esta ousadia também faltou ao Ney Franco, que poderia ter tirado Jadson e colocado um atacante para marcar um gol fora de casa e já eliminar qualquer dúvida de que o São Paulo levará este título.

O jogo de ontem foi tão fraco para uma final, que a maior repercussão da mídia está sendo no fato da expulsão infantil de Luís Fabiano no início do jogo, lembrando muito o que Valdívia fez contra o Coritiba na final da Copa do Brasil, a diferença naquele jogo é que o Palmeiras já vencia por 2 a 0.

Eu considero este 0 a 0 resultado do medo pois o como já aconteceu contra Universidad, o tricolor apenas empatou os dois jogos. Não parece o mesmo time que está jogando o Brasileirão.

Foto: Reuters / Marcos Brindicci